WISHLIST para Bienal do Livro

Desde o começo do ano estou animada para a Bienal Internacional de Livros em São Paulo! Acontece de dois em dois anos aqui na cidade, mas também tem em outros lugares. Participei da minha primeira bienal em 2014 e foi tão legal que com certeza será uma tradição ir em todas que tiver por aqui.

Como eu já contei para vocês, desde pequena minha mãe me incentivava a ler. Comprava diversos livros infantis, gibis e etc. Na escola eu detestava ler aqueles livros obrigatórios e fui deixando esse gosto de lado, até que em 2012 conheci o livro mais maravilhoso do mundo! Marina de Carlos Ruiz Zafón. O gostar virou paixão e o resto vocês já sabem…

Lembro que em 2014 paguei menos de 15 reais em um ingresso para a Bienal, esse ano o preço está de 20 à 25 reais. Êh, crise! Então a primeira coisa que eu fiz foi verificar os lançamentos e selecionar os livros que eu quero do fundo do meu coração.

Os três primeiros eu não procurei para ver do que os livros se tratam, mas sigo os autores nas redes sociais e preciso dizer: que pessoas maravilhosas! É por admirá-los que quero ler.

Eu já li dois livros do Raphael Montes e só falta sua mais recente obra: O vilarejo. Fiquei muito impressionada com o jeito que ele escreve e a personalidade de cada personagem. Suicidas, o primeiro livro do autor que li, virou até uma peça de teatro, a qual foi apresentada em São Paulo e no Rio de Janeiro.

A Pam, booktuber mais fofa do mundo, escreveu um livro em conjunto com outros youtubers e lançará na bienal um livro próprio também. Já tive o prazer de conhecê-la e não tenho palavras para expressar o quanto estou feliz por ela.

IMG-20150618-WA0023.jpg

Sonata em Punk Rock é o primeiro livro da nova trilogia escrita por Babi Dewet, a qual eu me inspiro muito. Tudo começou com uma fanfic e agora olha o sucesso que tornou o seu trabalho. Não vejo a hora de ler esse livro, não sei o que esperar dele ainda.

100_2698.JPG

Alguns não são tão lançamentos assim, mas estão na minha listinha de livros faz um tempão. Selecionei apenas livros nacionais porque, com o passar do tempo, comecei a admirar bem mais os escritores brasileiros. Eles ainda sofrem bastante preconceito ao serem comparados com escritores estrangeiros e eu não sei PORQUE os brasileiros pagam tanto pau para escritores estrangeiros.

Para um livro me conquistar ele precisa ser bom. Eu não vou ficar olhando quem escreveu e pensar: brasileiro? Então é ruim. Muito pelo contrário! Eu procuro seguir os autores nas redes sociais para ver como é o mundo deles. Dessa forma, dá para ter uma ideia do que se trata seus livros, sobre o que eles escrevem.

Já foram em alguma Bienal? Como foi a experiência de vocês? Ainda tenho muito para contar sobre as minhas experiências.

Anúncios

23 comentários sobre “WISHLIST para Bienal do Livro

  1. Oi Amanda, sei bem como funciona essa coisa de de repente se apaixonar pela leitura, passei pelo mesmo, a diferença é que nunca dei um tempo, sou leitora desde sempre, os livros obrigatórios que eu odiava alternava com leituras que sabia que ia gostar, então não tenho muito trauma dessa época. Conheço todos os autores que você citou, mas nunca li nenhum dos livros deles, tenho certo curiosidade com o livro da Pam, mas nada tão forte que me faça comprar o livro, quem sabe depois de ler algumas criticas. Adorei sua postagem 🙂

    Curtir

  2. Não me mate, mas eu odiei Marina… Rs… Macabro demais pro meu gosto. Comparada com a minha, sua wishlist está bem tranquila, rs, e achei bem legal você dar preferência para os nacionais. Adoro a Bienal, com certeza estarei lá todos os dias que puder.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Oi, Amanda!
    Estou para fazer um post com os lançamentos que mais desejo no momento, mas infelizmente eu não posso ir ao evento propriamente, apesar de ter muita vontade. Moro muito longe, não rola por enquanto, rs. Mas quem sabe um dia? A esperança continua, hehe. Quanto a sua wishlist em especial, também acompanho alguns desses autores nas redes sociais e eles são mesmo muito legais e atenciosos. Quero muito ler o livro solo da Pam, a premissa me atraiu muito, mas por acompanhá-la desde muito antes, quando ainda era Garota It, claro que eu queria lê-lo antes mesmo de saber do que se tratava, na verdade, rsrs. Sonata em Punk Rock parece ser muito bom também, apesar de que nunca li nada da Babi – ainda -, e já até li o primeiro livro da duologia do Augusto Alvarenga; não me cativou tanto quanto eu esperava, mas é uma leitura leve e gostosinha mesmo, espero que goste muito de todos!
    Beijos!

    Curtido por 1 pessoa

    • Ainda estou fazendo meu cronograma para essa bienal, quero tentar conhecer o máximo de autores e obras possíveis (brasileiros, de preferência). Espero que um dia consiga vir na Bienal de SP ou em qualquer outra, a esperança não morre jamais ❤

      Curtir

  4. Olá! dos livros que você deseja adquirir na bienal, o único que li (e amei) foi Vilarejo. Raphael é realmente um grande sucesso e morro de orgulho por ele ser brasileiro! Aliás, parabéns por valorizar os autores nacionais, eu também não entendo porque os leitores os desvalorizam e morrem de amores pelos autores internacionais, apenas por sua fama. Eu tive o prazer de ir à Bienal que teve em minha cidade, Belo Horizonte, esse ano. Mas amigos que já foram nas de SP me disseram que é bem diferente, bem maior e mais cheia de eventos. Então, ainda quero ir conhecer quando tiver oportunidade.
    Tudo de melhor na Bienal e não se esqueça de voltar para nos contar como foi!
    Beijos!

    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    Curtir

    • Esse livro é o único que falta do Raphael para eu ler, me neguei a ler em pdf para ter o prazer de comprá-lo, já que dizem que é um dos melhores. Meu maior orgulho é ver que uma de suas obras foram traduzidas para diversas línguas, chego a me arrepiar quando falo do trabalho do Raphael. Eu sempre quis conhecer Bienais de outras cidades, por conta dessa diferença de tamanho, eventos e até clima. Pode ter certeza que irei contar tudo sobre essa bienal e até vlog irei gravar. Um grande beijo ❤

      Curtir

  5. Muito bacana sua lista de desejos para Bienal, também selecionei alguns títulos que quero, mas não vai dar, não irei comprar nada no evento. Já fui na última Bienal de SP, mas não tive uma boa experiência, mas como quero conhecer alguns blogueiros amigos, irei este ano, mas estou com um pouco de receio, no entanto, torço para que o evento seja melhor.

    Da Imaginação à Escrita

    Curtir

  6. Olá, Amanda.
    Já fui em duas bienais aqui no RJ e só tive experiências boas. Conheci pessoas e autores incríveis, e claro, voltei com VÁRIOOOS livros para casa, nessa última foi quase uns 20 (ou mais). Boa sorte nessa bienal, espero que seja proveitosa para você. Espero ainda algum dia ir numa bienal de SP.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s