Quando tudo acabar

Quando tudo acabar não me procure mais, delete meu número da sua agenda, apague o histórico de conversas e as nossas fotos. Não deixe as lembranças de um passado que parece ter sido bonito atrapalhar a sua nova vida.

Quando tudo acabar não me cumprimente ao me ver na rua, não tente soar normal ou familiar. Finja que não me viu, vá para o outro lado da calçada, dobre a esquina e permaneça longe. Manter contato pode criar expectativas de algo que não acontecerá novamente.Leia mais »

Anjos do céu

Perdido em meio ao caos
De uma forma inexplicável
Tentações pra cá e pra lá, ai Deus
Mas que dor imensurável

Fingir que nada está acontecendo
Uma missão muito complicada
Mas todos estão percebendo
O quanto sua vida está desajeitada

Você e você sozinhos nessa vida
Assim que pensa que está?
Abra os braços e espere a vinda
Pessoas amadas virão te abraçar!

Rejeitar esses singelos abraços
Não estão entre as opções
Olhe para o céu, reze e aguarde
Deus virá com suas esperadas soluções!

Rafael Ramos

LIVRO VS FILME: A garota no trem

“Todas as manhãs Rachel pega o trem das 8h04 de Ashbury para Londres. O arrastar trepidante pelos trilhos faz parte de sua rotina. O percurso, que ela conhece de cor, é um hipnotizante passeio de galpões, caixas d’água, pontes e aconchegantes casas. Em determinado trecho, o trem para no sinal vermelho. E é de lá que Rachel observa diariamente a casa de número 15. Obcecada com seus belos habitantes – a quem chama de Jess e Jason –, Rachel é capaz de descrever o que imagina ser a vida perfeita do jovem casal. Até testemunhar uma cena chocante, segundos antes de o trem dar um solavanco e seguir viagem. Poucos dias depois, ela descobre que Jess – na verdade Megan – está desaparecida.
Sem conseguir se manter alheia à situação, ela vai à polícia e conta o que viu. E acaba não só participando diretamente do desenrolar dos acontecimentos, mas também da vida de todos os envolvidos.”

Leia mais »

MAIS SÉRIES PARA MARATONAR NAS FÉRIAS

O primeiro post do ano é dedicado a todos que irão passar as férias moscando em casa. Já havia indicado três séries para maratonar nas férias ano passado e voltei com mais algumas para esse início de ano. As melhores séries para assistir nas férias são aquelas com poucas temporadas ou com poucos episódios, que prendem a atenção e deixam sempre um gostinho de curiosidade, eis duas que são exatamente assim:

Leia mais »

Quotes de 2016

2016 passou voando. Olhando lá para trás, percebo o quanto eu mudei, o quanto minha vida mudou. Foi um ano bastante literário. Juro que nunca li tanto como nesse ano e sempre há aquelas frases que marcam, não é? Aquelas frases que marcamos com um post-it ou postamos no facebook. Muitas delas resumem exatamente o que estamos vivendo ou o que sentimos, pensando nisso trouxe os melhores quotes de 2016 para mim.

Leia mais »

RESENHA: BOA NOITE – Pam Gonçalves

“Alina quer deixar seu passado para trás. Boa aluna, boa filha, boa menina. Não que tudo isso seja ruim, mas também não faz dela a mais popular da escola. Agora, na universidade, ela quer finalmente ser legal, pertencer, começar de novo. O curso de Engenharia da Computação — em uma turma repleta de garotos que não acreditam que mulheres podem entender de números —, a vida em uma república e novos amigos parecem oferecer tudo que Alina quer. Ela só não contava que os desafios estariam muito além da sua vida social. Quando Alina decide deixar de vez o rótulo de nerd esquisitona para trás, tudo se complica. Além de festas, bebida e azaração, uma página de fofocas é criada na internet, e mensagens sobre abusos e drogas começam a pipocar. Alina não tinha como prever que seria tragada para o meio de tudo aquilo nem que teria a chance de fazer alguma diferença. De uma hora para outra, parece que o que ela mais quer é voltar para casa.”

Leia mais »

A despedida é a parte mais difícil

Não importa se passamos um dia ou uma semana juntos, meu coração sempre aperta assim que paramos de mãos dadas em frente ao portão da minha casa. Então você inclina a cabeça para o lado e me olha com um sorriso de canto, eu te olho de volta e faço bico enquanto brinco com seus dedos. Você diz que está tarde e no outro dia levanta cedo, eu te abraço pedindo mais cinco minutinhos. Você cede e os minutos voam, peço mais cinco, eles voam mais rápido ainda. Infelizmente, uma hora você precisaria ir embora.

Leia mais »